Ataques a igrejas deixam mais de 50 mortos na Nigéria

| |

Segundo autoridades, seguem buscas por mais corpos e `o balanço pode ser muito mais grave´, afirmaram as autoridades Pelo menos 54 pessoas morreram em ataques contra várias igrejas do nordeste da Nigéria, cometidos no domingo pelo grupo islamita Boko Haram. Au autoridades declararam os atentados nesta segunda-feira. 

"Até o momento há 54 mortos", declarou um funcionário do governo do estado de Borno, que pediu o anonimato. Os ataques ocorreram em quatro aldeias ao redor de Chibok — a mesma cidade onde mais de 200 meninas foram sequestradas em abril.
Os criminosos, que circulavam de moto, lançaram bombas nas igrejas de Kwada, Ngurojina, Karagau e Kautikari durante a missa de domingo, de acordo com testemunhas.
Segundo um líder local de Chibok, os moradores encontraram dezenas de corpos, mas a busca prossegue e o balanço pode ser muito mais grave. Mike Omeri, porta-voz do governo federal, declarou que não recebeu um balanço oficial das autoridades locais. 

0 comentários:

Postar um comentário